Página Inicial | Webmail | Acesso Restrito | Fale Conosco
Desenvolvido por: SIGEP - Sistema Integrado de Gestão Pública


Nossa FORÇA vem dos MUNICÍPIOS



Produtores rurais assinam contrato do “Programa Produtor de Água”

Publicado em 21/set/2017


Produtores da região da Bacia do Ribeirão João Leite, beneficiados pelo “Programa Produtor de Água”, coordenado pela Secretaria do Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos (Secima), em parceria com a Saneago e Emater, participaram nesta quarta-feira (20/9) da assinatura de contratos do programa. A solenidade, que foi realizada no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia, contou com a presença do presidente da FGM, Haroldo Naves, do governador Marconi Perillo e do secretário Vilmar Rocha.

O programa visa estimular a política de pagamento por serviços ambientais voltados à proteção hídrica. Ao todo, 31 projetos individuais de propriedade foram elaborados, sendo 19 deles já contratados, que visam remunerar quem preservar as nascentes que abastecem o João Leite, principal fonte de abastecimento da população da Região Metropolitana de Goiânia.

Segundo o governo de Goiás, a ideia é apoiar projetos para a redução da erosão e do assoreamento de mananciais no meio rural, proporcionando a melhoria da qualidade e regulação da oferta de água. “Se não cuidarmos das nossas nascentes, talvez seja necessário tomarmos outras medidas para garantir água no futuro. Por agora esse assunto está resolvido. O que estamos fazendo aqui, hoje, é garantir soluções futuras”, afirmou o governador Marconi Perillo.

O secretário de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos (Secima), Vilmar Rocha, ressaltou a importância do programa para a preservação e elevação do nível de produção de água das bacias do Meia Ponte e do Ribeirão João Leite. “Aumentar a produção de água para o futuro. Um trabalho de médio prazo. Temos que preparar para o futuro”, disse.

A bacia do Ribeirão João Leite está localizada entre as cidades de Goiânia e Anápolis, no eixo de desenvolvimento Brasília – Goiânia. Atualmente, o principal desafio é a promoção de práticas sustentáveis de preservação e conservação ambiental dos recursos hídricos. A bacia abrange uma área de 761 km², com uma extensão de 130 km, suas nascentes são localizadas na Serra do Sapato Arcado, município de Ouro Verde de Goiás. O ribeirão é tributário do Rio Meia Ponte. Sua área abrange o território dos municípios de Goiânia, Anápolis, Nerópolis, Ouro Verde de Goiás, Goianápolis, Campo Limpo de Goiás e Terezópolis de Goiás.

A recuperação das nascentes vai beneficiar diretamente a população, por se tratar do sistema de abastecimento público que atende a Grande Goiânia. Mas também vai beneficiar os produtores da região, uma vez que o aumento da oferta de água resulta em maior fertilidade da terra e maior capacidade produtiva.

 

Fonte: FGM com dados da Secima


Compartilhar




 






















Parceiros




Filie-se


    Contatos


    E-MAIL: fgm@fgm-go.org.br
    TELEFONE: Geral (62) 3999-7450
    Rua 102 – nº 186 – no Setor Sul Goiânia – Go

    Fale Conosco


    Copyright © 2017-2019 - Todos os direitos reservados | FGM - Federação Goiana de Municípios